segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

Coisas que eu gostava de entender...



Tenho assistido a uma coisa que me tira do sério. Conheço um sujeitinho que anda atrás de uma mulher, há mais de um ano. Ela já deixou bem claro que não queria nada com ele, mas ele é meio tapadinho e insiste, insiste, insiste. Ela até já está o trata mal, de tão farta que anda.
Ora então ele agora acha que teve uma ideia brilhante! Comprar-lhe um monte de presentes para lhe oferecer no Natal e esperar que ela venha a correr para os braços dele. Eu já desisti de lhe mostrar que ele fazer isso, ou pegar nas notas que vai gastar é a mesma coisa que as pôr a arder dentro de um cinzeiro.

Como é possível ainda existirem homens que acham que compram as mulheres, com presentes?
O amor não se compra...

3 comentários:

Walker Woman disse...

Nem se compra o amor nem se compra a paciencia para aturar este tipo de espécimes :P

Há quem goste de bater no ceguinho, como se costuma dizer!:P

Beijito!*

100 segredos disse...

Já me aconteceu. Recebi um pacote dos correios na véspera de Natal com um swatch, um livro, uma pen, um cachecol e um postal meloso. Depois no ano novo um vestido lindo de morrer e uns sapatos. Dia nos namorados outro relógio e um ramo de rosas enorme.

Não resultou, eu não me vendo.

Luana disse...

Há pessoas tão persistentes que acabam por ser ridiculas. Comprar os sentimentos de alguém?! Ridiculo mesmo!!!
Enfim...